CasaCor RS 2018: Ambientes infanto-juvenis

Nessa edição da CasaCor RS os ambientes infanto-juvenis tiveram destaque em número e vieram cheios de personalidade. Trouxemos neste artigo os quatro espaços do tema nessa edição da mostra.



Fotos: Alessandra Pasin

Dormitório da Menina Surfista por Izabela Pagani


Neste quarto, a arquiteta teve como inspiração a história de Julie Arissa Nemoto Tamura, atleta mirim surfista que buscou no esporte uma forma de superação. O projeto foi baseado a partir do desenvolvimento, percepções e atividades psicomotoras da criança de 5 anos. Tonalidades claras, tons de azul, iluminação natural foram utilizados para passar essa sensação de tranquilidade e paz. Na marcenaria MDF, laminados e diversos materiais reciclados. Para compor com ambiente ainda usou cestos e almofadas, confeccionados com sobras da indústria têxtil, que deram um ar mais de praia para o ambiente.



Fotos: Alessandra Pasin


Pedacinho Azul do Papel por Linea Studio


Este quarto, criado para um menino de 10 anos, tem na sua parte de baixo seu espaço de descanso e no mezanino a área de estudos. Na área de estudos, a cadeira Tajá, na cor laranja, de Sérgio Nunes ganha destaque. O fundo do mezanino e do dormitório também ilumina o ambiente com uma tela Tensoflex, as fontes de luz ficam mais discretas dando uma sensação de conforto para o espaço. No banheiro da suíte, cores marcantes como laranja e azul. Também em destaque os elementos metálicos que fazem alusão à brinquedos infantis. A pegada moderna do ambiente fica por conta da mistura de revestimentos industrias e jovens mesclando as texturas. Os arquitetos souberam aproveitar muito bem o pé direito alto existente do ambiente, tirando partido dessa tridimensionalidade e fazendo vários níveis de altura na composição.



Fotos: Alessandra Pasin


Refúgio da Menina por Marcio Moreira e AMB Arquitetura


Ambiente projetado pensando em uma menina de 15 anos, onde ela e suas amigas poderiam relaxar e curtir seus momentos. A geometria da composição do espaço surgiu a partir da escolha do revestimento hexagonal metalizado da Ritallio Revestimentos na parede da penteadeira, aparecendo novamente no biombo recortado a laser atrás da cama, na cabeceira e no revestimento em madeira no teto. O Na marcenaria, temos a bancada da penteadeira em MDF Grafite Trama da Duratex Pisos e Painéis.



Fotos: Alessandra Pasin


Ninar da Bebê por Natalia Kuhn e Danixa Kuhn


Neste quarto de bebê as arquitetas criaram um ambiente bem clean, utilizando tons pastéis e dando o toque minimalista. As delimitações das áreas foram feitas apenas com a pintura. A parede cimentícia é destaque no ambiente, dando um ar mais contemporâneo para o espaço. Um ótimo lugar para brincar e praticar balé, além de ser um ambiente muito aconchegante.


Tendência da maneira de projetar mais atual, em que apesar de alguns destes ambientes da mostra já definirem seu gênero de utilização, notamos principalmente no primeiro e segundo ambiente do nosso artigo, que não há uma definição exata dos mesmos. Projetos deste tipo devem sempre levar em conta a idade da criança para que se crie um ambiente onde ela possa passar seu tempo, brincar, estudar e ainda levando em conta suas preferências e atividades de lazer, tudo para ficar ainda mais acolhedor.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Simões Pasin Arquitetura / Porto Alegre - RS 

Contato: (51) 98151-4961 / (51) 98151-4959

simoespasin@simoespasin.com

pasinalessandra@gmail.com / simone.r.simoes@gmail.com

  • Facebook App Icon
  • LinkedIn App Icon